Como ser um marido melhor

Os melhores relacionamentos são aqueles em que ambos os parceiros desempenham seus papéis ativamente. Mas hoje vamos nos concentrar principalmente nos papéis desempenhados pelos maridos nas famílias tradicionais.

Pode parecer complicado mas na verdade tratam-se de medidas simples que visam resgatar os relacionamentos ou aumentar ainda mais o vínculo que os une.

Em primeiro lugar, preciso dizer que é necessário deixar o telefone de lado. O que deveria ser uma ferramenta para unir as pessoas acaba por fim servindo para afasta-las se não for usado com prudência. É muito comum hoje em dia as pessoas estarem numa roda de amigos e ao invés de conversar entre si ficam grudados no celular. Esse tipo de comportamento não tem sido diferente dentro de casa e ao invés de aproximar as famílias a tecnologia acaba as afastando. Por isso a primeira dica nesses tempos modernos é ponha o seu telefone de lado. Se não for possível ficar totalmente longe dele, coloque-o no silencioso ou desligue-o pelo menos por algum tempo para poder se concentrar em quem está ao seu lado.

Em segundo lugar esteja atento ao tipo de emoções que você traz para casa. Talvez você tenha de ser uma pessoa competitiva no trabalho, talvez tenha motivos para estar estressado, cansado, preocupado com seus afazeres profissionais mas pelo bem do seu casamento ao entrar em casa deixe os assuntos profissionais de lado e concentre-se nas pessoas que estão dentro do seu lar. Se o seu dia não foi lá tão bom não é culpa da sua família. Não desconte no seus entes queridos sentimentos de raiva, frustração e nem os sobrecarregue com seus problemas profissionais. Não quero dizer que você não possa desabafar e conversar com sua esposa sobre seu trabalho mas que, pelo bem da sua família, seus problemas e todas aquelas emoções do trabalho não deve ser descarregados sobre seus entes queridos.

Imagine uma esposa que ao invés de se alegrar com a chegada do marido contente e animado ao voltar para casa, fique ansiosa porque o seu marido provavelmente não vai chagar nem animado e nem feliz e pode chegar inclusive pronto para explodir.Será que essa esposa não sentirá frustração por não ter aquele homem por quem se apaixonou do seu lado? O lar deveria ser um lugar de paz, tranquilidade, união e amor.

É claro que não é tão simples tudo o que estou dizendo aqui. Não dá para virar uma chavinha e de repente mudar todo o seu humor mas dá para se esforçar, tentar ser alguém melhor quando chega em casa para aquelas pessoas que nos são mais precisosas.Nada justifica não dar atenção para sua esposa ou tratá-la com rudeza.

E por fim você deve tratar sua esposa como ela verdadeiramente é, uma rainha, senhora do seu coração e merecedora de todo seu carinho. Beije-a ternamente quando chegar em casa, abrace-a, diga-lhe o quanto a admira e se importa com ela. Se você a ama irá tratá-la com ternura, respeito e demonstrar a gratidão por tudo que ela faz. Expresse sempre sua paixão por ela e deixe ela saber porque você a ama.

Essas três dicas deveriam ser um hábito nas nossas vidas. Muita gente reclama do casamento e acha que há algo de errado com esse tipo de união. Na verdade o seu casamento pode ser muito feliz mas dependerá em muito da forma como você e seu cônjuge irão administrá-lo.A decisão está em suas mãos.