sábado, 30 de outubro de 2021

O que fazer para não ficar sobrecarregado

 Veja neste vídeo o que você pode fazer para simplificar sua vida e evitar se sentir sobrecarregado.


Porque muitas pessoas ficam sobrecarregadas? Porque assumem diferentes papéis ao longo do dia e levam uma vida bastante agitada: profissional, casamento, lar, filhos, parentes, amigos, ou seja, acabam fazendo muitas coisas e também cuidando dos interesses e necessidades de muitas pessoas.


Quais são alguns dos sintomas que indicam que uma pessoa está sobrecarregada?

Insônia: pode parecer contraditório, mas indivíduos sobrecarregados podem ter dificuldade para dormir. Uma pessoa sobrecarregada pode não conseguir relaxar muito bem o que também a impede de ter uma boa noite de sono. Muitas vezes a pessoa pode estar sobrecarregada por falta de planejamento.

Irritabilidade: mal humor e perda do autocontrole são sinais de uma possível exaustão emocional.

Cansaço físico: o indivíduo sente cansaço constantemente.


Como tratar a exaustão emocional? É muito importante buscar o equilíbrio entre as atividades, priorizar o que é mais importante e permitir que haja em sua agenda momentos de descontração e relaxamento. Uma atitude saudável, por exemplo, é deixar que o trabalho fique no trabalho, evitar levar problemas do trabalho para casa ou falar sobre trabalho quando estiver na sua folga. Outra atitude desejável é tirar férias pelo menos uma vez ao ano. Tem pessoas que trabalham por anos sem tirar nem ao menos alguns dias de férias. Isso pode levar a exaustão mental e emocional. Delegue também atividades, automatize tarefas (por exemplo, pagar contas pode ser feito por meio de aplicativos e por agendamento; renovação de planos automáticos de assinaturas, de recarga de crédito e assim por diante) ou contrate outras pessoas que possam te ajudar a tomar conta de algumas atividades. Por exemplo, ao invés de atravessar a cidade inteira para entregar um documento por que não contratar um entregador ? Tem muitos moto-boys que fazem esse tipo de serviço. No final das contas, o custo pode compensar. O mesmo se dá no caso de muitos serviços que envolvem setores burocráticos, às vezes vale a pena pagar uma pessoa experiente em lidar com aquele tipo de serviço que poderá trazer economia de tempo e às vezes até de dinheiro.


O que fazer para evitar a exaustão ?

  1. Comece suas atividades com o que te dá mais senso de realização e tente delegar o que é mais chato, mais tedioso ou se for algo sem importância, deixe de fazer.
  2. Resolva prontamente as coisas mais chatas. Aquelas tarefas que ficamos evitando e procrastinando, acabam também servindo como uma fonte de cobrança mental a todo o tempo. Por exemplo, suponhamos que você deteste passar roupa. A pilha vai se acumulando e toda a vez que você a vê você se sente culpado e pensa na pesada obrigação, porque quanto mais tempo adia maior fica a pilha, e isso vai te deixando cada vez mais estressado. Acabe com esse problema de uma vez por fazer prontamente o que tem de ser feito.
  3. Reserve tempo para outras atividades que não estejam relacionadas com trabalho. Deixe algum espaço na sua agenda para coisas prazerosas. Pode ser tempo para tomar um café de forma pausada ou um chá, seja para ligar para alguém, seja para jogar algum jogo online, ou ler um livro, ou tocar algum instrumento ou quem sabe fazer algum trabalho artístico. Ou quem sabe para caminhar ou fazer academia. Permita-se ter este tempo para você, apenas seu e para usá-lo do jeito que você quiser.
  4. Pense mais no presente e preocupe-se menos com o futuro.
  5. Tenha amigos e conecte-se com eles de alguma forma, não apenas por meio de mensagens e redes sociais, combinem alguma atividade juntos.
  6. Aprenda a dizer não. Muitas pessoas vivem exaustas porque são boas para todos, menos consigo mesmas. Por não saberem dizer não acabam sendo muito prestativas com todos. Aprenda a dizer NÃO se suas circunstâncias não permitirem assumir mais compromissos ou fazer coisas pelos outros.

Veja também o artigo: Como evitar o esgotamento mental

Nenhum comentário:

Postar um comentário